Gêmeos, os irmãos na casa da criatividade

Por Oscar (W!ll Simões) – Cartunista, quadrinista, ilustrador, autodidata, pesquisador de história em quadrinhos, 39 anos, nascido em Campina Grande, PB (ninguém é perfeito!). Atualmente integra o Coletivo WC, participa ativamente de salões de humor e mostras de ilustração nacionais e internacionais.
Todos os Direitos Reservados apenas para colaboração do Coletivo WC

Estes dias entre uma “twittada” e outra (êeee, tempos virtuais!!!), me peguei pensando no aspecto de “Gêmeos”, o signo (ou arquétipo, como chamam os astrólogos profissionais, e não é  o meu caso, que tenho Ascendente em Libra e Lua em Aquário, blá,blá…deixa pra lá), e na emblemática relação de criatividade e dualidade deste “signo” no contexto brasileiro de “artes gráficas“, incluindo tudo relativo aos quadrinhos, cartum, charge, caricatura, ilustração e afins.

Pulando a parte obscura de “Caim” e “Abel” (que nem desenhavam) e aquelas controvérsias acadêmicas (bocejando) e de “mesa de bar” (salivando), sobre se o tal do “talento“, se “herda” (como o joanete de sua tia Mabel) ou se adquire (comprando um daqueles livros “Seja desenhista em 7 dias”, ou coisa do tipo…), passaremos adiante, para uma coisa que poucos aqui discutem; Os “gêmeos” (univitelinos ou não), ou simplesmente irmãos de “sangue” marcam presença no mundo do “traço” brasileiro.

Alguns são os multi-talentosos (gêmeos, praticamente “clonados” pela natureza) irmãos Caruso (Paulo e Chico), caricaturistas, chargistas, músicos e etc. Tem também os badalados irmãos quadrinistas Gabriel Bá e Fábio Moon (sim… são irmãos, não sabia ?! – 100 pontos pra você no “Quiz”),   os criativos irmãos Otávio e Gustavo Pandolfo,  os cultuados “gêmeos grafiteiros” e a dupla Ziraldo e Zélio Alves Pinto (embora eu sempre ache que são a mesma pessoal), que dispensam maiores comentários,  dentre tantos  outros (alguém lembra de mais alguns?!), ah,  Henfil e Betinho (mas só Henfil desenhava, Betinho dava idéias…!?). Brincadeiras à parte, enfim, todos unidos pelo mesmo DNA e pela arte do “risco”.

Na astrologia leiga, “Gêmeos” (o signo), está relacionado entre outros aspectos à criatividade, comunicação, inovação, e ao duplo “complemento”. Fácil reconhecer estes aspectos nos referidos colegas acima, e mais, nestes casos, nem precisa ser “neurocientista”, ou astrólogo, ou “filosofo de botequim” (tirando o Jaguar que é profissional – e agora podre de rico!) para perceber que “curiosamente” quando o talento vem em dobro, pela égide de “Gêmeos” (duplo), “o mais” é “mais” mesmo e um pode até ser pouco, dois é perfeito, e três, bem… vamos tirar no “cara” ou “coroa”  ou no “par” ou “impar” ?!.

Meu signo é Áries, tenho um querido irmão mais novo (leonino) que é “designer” (formado, graduado e o escambau) que acha cartum “engraçadinho” e só. Obviamente quando eu ficar famoso não vou levar ele pra andar de lancha, deixa ele…

Anúncios

Sobre Coletivo WC

Coletivo de produção e divulgação de webcomics na Paraíba.
Esse post foi publicado em Oscar. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s